Governo de SP assina acordo para ampliar atendimento às mulheres vítimas de violência

Serão desenvolvidas ações de prevenção e enfrentamento a esses crimes

O governador Rodrigo Garcia participou nesta quinta-feira (7) da assinatura de um acordo entre o Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Justiça e Cidadania, e o Instituto para o Desenvolvimento Sustentável (INDES) para ampliação do atendimento de mulheres vítimas de violência. Com a formalização da parceria, serão desenvolvidas ações de prevenção e enfrentamento a esses crimes, por meio dos Centros de Integração da Cidadania (CIC) e das unidades da Casa da Mulher.

“É obrigação do estado lidar com a violência contra as mulheres. Essa inquietude e esse espírito de inovação permanente para a gente abrir canais de comunicação, para a gente pensar em novas ideias, deve prevalecer em um governo que quer representar cada vez mais aquilo que é correto, aquilo que é justo, não só as oportunidades, mas a justiça para todas as mulheres daqui do nosso estado”, disse Rodrigo Garcia.

A parceria proposta, que tem duração de 24 meses, promoverá capacitação dos profissionais da rede de atendimento às mulheres vítimas de violência doméstica, em especial dos profissionais das 18 unidades dos Centros de Integração da Cidadania (CIC) e das 43 unidades da Casa da Mulher. Serão realizados cursos online e webinars, além do atendimento especializado multidisciplinar online para mulheres em situação de violência, por meio do projeto “Justiceiras”. Não há previsão de transferência de recursos entre os participantes.

O projeto, fundado e presidido pela Promotora de Justiça Gabriela Manssur, é constituído por uma rede de voluntárias que oferecem atendimento online para mulheres vítimas de violência nas áreas de acolhimento, jurídica, psicológica, socioassistencial e médica.

Deixe um comentário