Pacheco participa de condecoração de Randolfe com Legião de Honra da França


 
O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, a embaixadora francesa Brigitte Collet e o senador Randolfe Rodrigues
Foto: Embaixada da França

Com a presença do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) recebeu, no início da noite desta segunda-feira (6), na Embaixada da França, em Brasília, a Legião de Honra — distinção criada por aquele país em 1802. A condecoração, entregue pela embaixadora francesa no Brasil, Brigitte Collet, reconhece os serviços prestados à França ou às causas que esse país defende.

No caso de Randolfe, a honraria se deve ao seu compromisso com a cooperação entre os dois países, particularmente na fronteira localizada entre o município de Oiapoque, no Amapá, e o de Saint-Georges, na Guiana Francesa. Ele também foi reconhecido pelo seu trabalho no combate à pandemia da covid-19; por sua atuação em relação à educação; e pela defesa do meio ambiente e do Acordo de Paris — tratado de 2015, firmado entre os países membros da Organização das Nações Unidas (ONU) para redução de emissões de gases do efeito estufa.

— Dedico esta comenda aos milhares de brasileiros que perderam a vida em decorrência da pandemia, fruto do negacionismo — disse o senador, que também destacou “os povos originários que há 700 anos vivem na fronteira entre o Amapá e a Guiana Francesa, tirando o sustento da floresta sem destruir o patrimônio natural”.

Por Agência Senado

Deixe um comentário