Isael anuncia parceria habitacional com Gerdau para melhorias de mil moradias em Pindamonhangaba

Residências de famílias em vulnerabilidade social são beneficiadas em acordo entre Prefeitura e empresa; ação visa diminuir fragilidade de construções

Reunião entre Prefeitura de Pinda e Gerdau, que definiu parceria para construção e reformas de moradias populares (Foto: Reprodução PMP)

Em articulação inédita, a Prefeitura de Pindamonhangaba anunciou, nesta semana, uma parceria com a Gerdau para a construção de casas para cerca de mil famílias, no prazo de dez anos. A ação foi anunciada pelo prefeito Isael Domingues (PL).

O programa “Reforma que Transforma” é um trabalho elaborado pela Gerdau para melhorias em moradias insalubres, a partir da identificação de cômodos de casas com maior vulnerabilidade. Segundo a empresa, as ações são executadas com um kit reforma, que entrega as obras em sete dias, garantindo o controle do tempo e dos custos. Os beneficiados também terão acesso a um crédito subsidiado, com taxas de juros abaixo do mercado para efetuar a reforma (os recursos arrecadados retornarão ao projeto, beneficiando outra família). “O Reforma Que Transforma foi estruturado a partir da identificação de três problemas que cercam a habitação no Brasil: obras sem assessoria técnica, qualificação da mão de obra e falta de acesso a crédito”, garantiu o líder de responsabilidade social da Gerdau, Paulo Boneff.

Ao todo, o projeto deve investir R$ 40 milhões em doze municípios de todo o país, até o fechamento desta matéria a única cidade beneficiada na RMVale (Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte), é Pindamonhangaba.

O prefeito afirmou que nesta primeira etapa do programa, com previsão de início em 2022, serão ofertadas duas opções às famílias: linha de crédito com baixa taxa de juros e também doação integral da reforma, conforme os critérios de vulnerabilidade social.

Por Bruna Silva | Jornal Atos

Deixe um comentário