Guarda Civil Municipal desmente vereador sobre abandono de viatura em Aparecida

Xande usa redes sociais para denunciar veículo abandonado; comando garante que carro é utilizado para treinamentos

Veículo denunciado pelo vereador, utilizado para treinamentos da GCM; comandante desmente Xande (Foto: Reprodução PMA)

O vereador Carlos Alexandre Rangel, o ‘Xande’ (PSD) levou às redes sociais um apontamento de suposto abandono de veículo oficial da Guarda Civil Municipal de Aparecida. Nas postagens, ele afirmou que o carro, modelo Gol, foi localizado em uma área da zona rural de Guaratinguetá e que estaria ali já há alguns dias. O comando da GCM negou o caso de abandono da viatura.

Na publicação, feita na última terça-feira (31), o vereador mostrou o local onde estava o carro oficial. Em um primeiro momento, Xande indicou ser um veículo da Prefeitura de Aparecida, mas logo depois do vídeo ser postado, ficou constatado que a viatura era da Guarda Civil Municipal. O parlamentar relatou que recebeu reclamações e denúncias de moradores que passaram pela região e viram o carro.
“Há mais ou menos três dias estamos recebendo reclamações sobre um carro abandonado da Prefeitura na zona rural. É um patrimônio público. É um descaso que está acontecendo aqui”, iniciou o vereador. “Não sei como esse veículo veio parar aqui. O que eles estão fazendo com esse veículo aqui nesse setor?”, questionou.

Xande foi procurado pela reportagem do Jornal Atos para dar detalhes da denúncia, mas não respondeu até o fechamento dessa matéria. O comandante da Guarda Civil Municipal de Aparecida, Marcelo Bento, negou que o veículo estivesse abandonado. De acordo com Bento, o carro estava no local para ser usado em um treinamento realizado na última semana.
“Devido ao tempo de uso, ela não estava mais correspondendo. A manutenção dela estava ficando muito cara, aí resolveram aproveitar as peças dela em outros veículos e deixaram de usar. Ela não estava abandonada, estava apenas aguardando. A gente fez um treinamento com alguns guardas municipais, inclusive de fora, então estava esperando para fazer uma manobra nesse lugar”, contou o comandante.

Bento negou que o carro estivesse na zona rural de Guaratinguetá. “Esse lugar é isolado, começa em Aparecida, por ser grande pega um pedaço de Guará, não é zona rural de Guará. É próximo à Vila Mariana e a gente não podia divulgar por questão de segurança, por envolver outros órgãos de segurança e armamento”.

Ainda segundo o comandante, o veículo foi levado para o local um dia antes do treinamento, que foi realizado na quinta-feira (2). O carro é um modelo Gol que foi utilizado pela Guarda Civil entre os anos de 2009 e 2017 e não era mais usado pelos agentes da GCM. Após o treinamento, segundo Bento, o carro foi removido do local.

Por Leandro Oliveira | Jornal Atos

Deixe um comentário